irmãos e irmãs,

sejam todos bem-vindos

ao Puebla!

O Puebla é um projeto espírita que almeja, dentre outros objetivos, uma aproximação entre Doutrina Espírita e Teologia da Libertação. Não só como um exercício teórico, mas como esforço em atingir mentes e corações dilacerados pela opressão dos poderosos. Puebla, então, pode ser resumido como um projeto teórico-prático, para um posicionamento político mais eficiente e, também, como um espaço de confraternização e religiosidade. 

Alguns podem julgar que o momento atual é crítico demais para confraternizações. Ou, ainda, que não há espaço para o pensamento religioso dentro da luta política, em partidos ou nos coletivos sociais independentes. Sim, o momento é crítico, mas o afeto tem um poder ímpar na construção e no fortalecimento dos laços necessários à luta. Além disso, é urgente uma aproximação mais contundente entre os partidos de esquerda e os que militam dentro de seus espaços de crença. Assim, a partir dessas necessidades criamos o Puebla, onde fé e luta andarão de mãos dadas.

***

O povo sofrido não mais encontra consolação na espera por uma vida repleta de alegria depois da morte. Ao mesmo tempo, os partidos políticos progressistas e movimentos sociais têm apresentado muitas dificuldades em criar uma identidade positiva com os pobres, com os trabalhadores da cidade e do campo. Esse óbice não é novidade, evidenciando que há uma certa insistência, dos partidos, nas mesmas táticas do passado. O que fazer diante desse cenário?

A estratégia proposta pelo Puebla, possui três aspectos principais:

1

Teorizar uma aproximação entre a Doutrina Espírita e a Teologia da Libertação, visando uma atuação política cada vez mais próxima dos desvalidos, dos marginalizados da sociedade. Produzindo, dessa forma, um mundo mais justo, onde a partilha e a fraternidade promovam liberdade e vida. Em resumo: teorizar a prática e praticar a teoria.

2

 Aproximar cristãos e espiritualistas diversos, com viés à esquerda, da proposta do Puebla, convidando-os para pensar-praticando e praticar-pensando o projeto.

3

Atuar dentro de partidos políticos à esquerda, salientando a importância dessa somatória de forças, onde fé, formação e atuação política estarão juntas. 

© 2020 por Puebla